quarta-feira, 23 de dezembro de 2009

PPP acalma torcida e diz que quer ficar, por quê?


Ao que parece Paulo Prisco Paraíso quer mesmo ficar no Alvinegro. Ontem já tivemos uma série de mudanças, entre contratações e a saída do Thiago D’Ivanenko além conseqüente entrada de Damiani no seu lugar.

Hoje tivemos as renovações de dois ídolos, Jeovânio e Fernandes. Tudo isso acalmou a torcida Alvinegra, que, agora, terá um natal tranqüilo. Ainda bem.

O fato é que nada do que foi feito foi obrigação, independentemente da vontade de ficar ou não, a FPSA tem a obrigação de montar e coordenar o grupo até a data de sua saída. Existe um contrato, e ele precisa ser cumprido.

PPP pelo visto viu que o conselho não amoleceu, agora dá uma retrocedida, porque essa vontade de ficar? Não era ele quem estava cansado do futebol, do complexo dia a dia de um dirigente? Explicações precisam ser dadas aos torcedores Alvinegros.

Um forte abraço Alvinegro!

http://www.blogger.com/Siga-me

A decepção tem nome: Paulo Prisco

No meio de todo esse imbróglio que o Figueirense está enfiado, nessa mudança política que afeta todo o clube, uma coisa me surpreendeu – e muito – negativamente. Ela tem nome e sobrenome. Paulo Prisco Paraíso, confesso que fiquei muito decepcionado com as atitudes tomadas por esse dirigente que já foi ídolo da torcida, aliás.

Todos os Alvinegros passaram oito, nove anos ouvindo elogios de outros torcedores, da imprensa a esse dirigente que alavancou o futebol do clube, montou times fortes que nos deram imensas alegrias. PPP era, e é, visto como uma pessoa de muita competência no futebol, um cara com uma visão diferente. Aprendi a admirar essa pessoa, assim como a imensa maioria da torcida Alvinegra também o fez.

Entretanto, essa boa imagem vem sendo muito desgastada. Primeiro com o rebaixamento, com a ausência cada vez maior do dirigente do dia a dia do clube. Depois com o péssimo ano de 2009, o torcedor se sente enganado. Para piorar, num momento de decisão administrativa o dirigente sai de férias num cruzeiro. Pode? No momento de definições do futuro do clube ele dá as costas.

Como se já não bastasse, PPP vem com uma proposta de gestão, ridícula para o clube . Esperava muito mais dele. Ele que se diz Alvinegro não está parecendo querer o melhor para o clube. Outra, aquele papo de que a participações estava saindo pelo bem do clube, pelo sistema que estava se tornando obsoleto nos dias atuais com tantas empresas envolvidas no futebol, etc, se mostrou um papo furado.

O torcedor não precisava dessa desilusão. Se tivéssemos o Lages fazendo as mesmas coisas eu não veria com tanta surpresa, ele nunca teve muita moral com a torcida. Mas com o PPP, isso não, é duro demais para o torcedor que se acostumou com seu time dominando o estado.

Um forte e magoado abraço Alvinegro!

terça-feira, 22 de dezembro de 2009

Não seis, mas quinze! Sangue Argentino no Figueira!


Argentinos no Figueira

O Figueira contará com uma bela novidade na próxima temporada. Teremos no nosso elenco profissional dois jogadores Argentinos, o zagueiro Agustín Cattaneo e o meia Caston Ada. Sinceramente não sei se o Figueira já teve algum jogador estrangeiro no time principal, na base já tivemos Coreanos e neste ano temos o atacante Martín, que é Argentino.

Os dois apostas, nós torcedores não conhecemos nada destes jogadores, porém o espírito guerreiro que o jogador Argentino possui é admirável, espero que eles contagiem o grupo com a vontade e persistência, essa que faltou a alguns neste ano.

Não seis, mas sim quinze!

Já havia comentado aqui no blog sobre seis reforços que o Figueira anunciou hoje. Foram eles: João Paulo, Júnior Negrão, Marcelo Nicácio, Ernani, Coutinho, Jean Carioca. Depois chegou a informação de mais nove jogadores. Foram eles: Moreno (goleiro), Kadu (zagueiro), Agustín Cattaneo (zagueiro), Marcinho (volante), Felipe Canavam (meia), Gastón Ada (meia), Marquinho (meia), Juninho (meia) e o atacante William.

Destes jogadores destaco o zagueiro Kadu que já passou pelo Corinthians além do fato da maioria destes jogadores pertencerem a Brazil Soccer. Vários são jovens e chegam como apostas, como o meia Felipe Cannavam.

Abaixo um vídeo produzido pelo site INFOesporte, muito informativo com tudo que aconteceu na reunião de hoje, contratações, saída do D’ivanenko etc.



Sobre o novo treinador - Renê Weber

Não gostei. Curto e grosso assim. Treinador que nunca fez um bom trabalho, treinou aqui no estado o Criciúma em 2007 por três partidas, perdeu todas e foi demitido. Particularmente preferia um treinador em começo de carreira – como Márcio Goiano ou Rospide.

Agora é apoiar e torcer para que Renê faça pela primeira vez algo de bom na sua carreira de treinador, afinal tudo tem a sua primeira vez. Se não fizer, em Março ele sai, mais precisamente após o dia 21.

Forte abraço Alvinegro!

Os outros três

Já havia comentado no post anterior sobre três dos nossos seis reforços, abaixo um pouco sobre os três restantes.

Coutinho

Volante que apareceu no Vasco, lá não foi bem, jogou também no Criciúma onde foi rebaixado, também não se destacou, no Fortaleza foi rebaixado e acabou dispensado. O histórico do jogador não é dos melhores. Não conheço seu futebol. Pelo pouco que ouvi dele é um volante com boa saída de bola. Ficamos no aguardo.

Ernani

Jogador que vem do Bahia, era uma promessa do Vasco, parece ser um bom meia.

Júnior Negrão

Atacante (foto), o vi atuar pelo Corinthians, lá foi muito mal, jogou no exterior, nesta temporada esteve no ABC, chegou no meio do ano em Natal, fez seus golszinhos. Não me pega.

Pacotão

O Figueirense hoje anunciou o pacotão de seis reforços, Marcelo Nicácio, Junior Negrão, Coutinho, João Paulo, Jean Carioca e o meia Ernani. Neste post comentarei um pouco sobre três deste seis nomes.

Jean Carioca

Jovem jogador que teve passagem destacada pelo ABC em 2008. No começo do ano foi para o Botafogo, teve desempenho bisonho, marcou apenas um gol, o Figueira tentou sua contratação, mas Jean acabou indo para a Ponte Preta onde também não foi muito bem, esquentou o banco e foi dispensado ao fim do ano. Não conheço seu futebol, pelo vídeo parece ser um jogador de velocidade que gosta de jogar pelos lados do campo.


Marcelo Nicácio

Atacante matador. Fez muitos gols na série B deste ano pelo Fortaleza. Já teve também uma ótima passagem pelo CRB, no Atlético Mineiro não rendeu o esperado. Entre os reforços o Nicácio é o que mais me agrada, quando o vi jogar gostei.


João Paulo

Lateral jovem vindo do Fluminense. 19 anos. Conversei com um blogueiro Carioca, segundo ele João é um bom lateral, tem boa qualidade mas é um pouco afobado. João tem na bola parada uma de suas características, outro fator que conta a seu favor é a versatilidade, já que também pode atuar como meia.

Forte abraço Alvinegro!

segunda-feira, 21 de dezembro de 2009

Gols Alvinegros pelo mundo - Gol na França

O gol Alvinegro no exterior foi marcado pelo ótimo Michel Bastos. Marcou um belo gol de falta contra o Mônaco. O gol me lembrou aquele que ele marcou contra o São Paulo em 2005, naquela vitória de 3 a 1, Rogério Ceni ficou estático. Fantástico.

Abaixo o vídeo dos gols, contra o Mônaco, e contra o São Paulo, os vídeos tem mais de dois minutos cada, mas por sorte os gols estão no começo deles.

Confira:





Contratação, demora, Sugestão...

Possível contratação
Dirigentes Alvinegros estão no Rio de Janeiro tratando da montagem do time para o próximo ano. João Paulo, lateral de 19 anos está negociando com o Figueira. João é uma revelação do Fluminense, não teve um bom 2009, assim como a maioria do time carioca, até a espetacular virada de mesa ao fim do ano.

João se define como possuidor de boa qualidade técnica e boa bola parada, outro fator que conta a seu favor é que também pode atuar pelo meio. É atleta agenciado pela Brazil Soccer. A torcida do Flu considera a saída dele como o primeiro reforço para 2010. Quantos jogadores já vieram em baixa e nos deram alegrias? Então, calma torcedor. Clique aqui para ver o vídeo compilação do jovem lateral.

Demora
Márcio Goiano não será o nosso treinador. Será nosso assessor técnico. Sinceramente não entendi. Parecia que já estava tudo acertado para ele assumir a equipe, o que aconteceu? D'Ivanenko diz que até terça Feira teremos um treinador. Espero que o novo treinador seja contratado logo, cada dia nessa parte do ano faz a diferença na montagem de um bom time para 2010.
Jogador de qualidade para a série B
Geraldo (foto), meia que comandou o Ceará no acesso da equipe para a série A, se mudou para Itumbiara, lá deve jogar o Estadual de Goiás.

Será que não seria uma boa contratação para a série B? Jogador muito experiente, já jogou com Fernandes no exterior, o cara é muito bom de bola. Teríamos ótimos meias. Fernandes e Geraldo comandando o time, e o fôlego de Vinicius Pacheco.

Furada
Surgiu o boato que o meia Márcio Mossoró poderia chegar ao Figueira. Furada, o meia é pretendido pelo clube desde 2007, quando ainda estava no Internacional, na época o atacante Léo veio de Porto Alegre, tentou convencer Mossoró a vir pra Floripa. Não deu. Hoje Márcio joga no Braga de Portugal, jogou doze partidas como titular em catorze partidas disputadas pela sua equipe que é líder do certame da terrinha, conforme apurou Ney Pacheco. Achas mesmo que ele vai jogar a segundona Brasileira?

O clube não está parado
Finalmente os dirigentes Alvinegros começam a se mexer. O cargo de treinador já está quase fechado, jogadores estão sendo procurados. Finalmente o torcedor começa a ver um esboço de trabalho dentro das quatro linhas. Ficamos no aguardo.


Um forte abraço Alvinegro!

sábado, 19 de dezembro de 2009

Conquista de 94 - Matéria exibida na época

Ontem o site Meu Figueira relembrou a importante conquista do Catarinense de 94, completando 15 anos.

Postarei uma matéria exibida pela RBS na época, Carlos Eduardo Lino era repórter, hoje é comentarista dos canais Sportv.


sexta-feira, 18 de dezembro de 2009

Siga!


57 seguidores. O blog está próximo de chegar ao ótimo número dos 60 seguidores. Fico feliz com o crescimento progressivo do Máquina Alvinegra.

Os seguidores são como os sócios do blog, aquele pessoal que deu um voto de confiança a esta página.

Fica a mensagem, se leres o blog todo dia, tens uma continha no google, clica ali no “seguir”, tenho certeza que o proprietário do blog vai gostar.

Forte abraço!

quinta-feira, 17 de dezembro de 2009

Finalmente! Uma compilação do Fernandes!

Novo treinador sendo cogitado


Nome que vem sendo cogitado para treinador do Figueira é Marcio Goiano, o Tainha comentou sobre o treinador ante informação do Roberto Alves.

Todo nome que vier a ser cogitado que nunca tenha feito algum grande trabalho, ou até mesmo já ter trabalhado como treinador vai gerar inúmeros pontos de interrogação para a torcida Alvinegra.

Segundo o Tainha, Márcio já trabalhou como auxiliar técnico, o que conta um pouco a seu favor, mas ainda é muito pouco.

Fico com meu pezinho atrás sobre essa informação, segundo o Roberto Alves ele deverá ser anunciado ainda hoje.

Pelo menos parece que o clube finalmente acordou...

Forte abraço Alvinegro!

quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

Imagem do dia

Esse é o estádio Marina Bay, na Cingapura, o gramado desse estádio flutua. O local ainda não teve partidas oficiais. Ele será utilizado nas Olimpiadas da Juventude em 2010.

Por onde anda: Murilo Maccari

Murilo Maccari, nome que não diz muito ao torcedor Alvinegro. Murilo jogou por duas oportunidades no Figueira, inclusive foi um jogador formado pelo Figueirense. Nunca chegou a atuar no time principal, foi por duas vezes negociadas para clubes do exterior.

Murilo saiu em março do Figueira, partiu para a Estônia, jogar pelo Nõmme Kalju, marcou sete gols na temporada, bom número de gols tendo em vista que Murilo é volante. Seu time ficou em quinto em um campeonato com dez participantes, jogou as eliminatórias da Uefa. Ele que inclusive já jogou na Itália, pela Reggina, clube médio da primeira divisão.

Murilo agora estuda propostas, o Kalju tem interesse na sua permanência, porém Murilo não tem vontade em permanecer na Estônia, país que tem no basquete seu principal esporte.

Maccari se ressente da falta de oportunidades no Figueirense, jogador que era tratado com uma boa promessa das categorias de base Alvinegras, entretanto quando chegou ao time profissional jogou apenas uma Copa SC, em 2007 e se contundiu. Murilo saiu do clube, ficou alguns anos fora, porém quando voltou, encontrou uma diretoria diferente daquela que conhecia seu futebol na base, esse foi o grande motivo pela falta de oportunidades para o garoto.

Hoje Murilo tem 22 anos, é natural de Tubarão, está no aguardo para a definição de seu futuro e mandando vibrações positivas para o Figueira, mesmo a tanta distância. Espera um dia voltar ao Figueira e ajudar dentro de campo, não apenas financeiramente.

Um forte abraço Alvinegro!

Nuvem de incertezas - Nada definido


Eu assim como a maioria da torcida Alvinegra não está entendo muito bem esse processo entre Figueirense participações e o conselho deliberativo do clube. As entrevistas dadas pelos presidentes de ambos os lados não esclarecem muito bem a situação, além do mais parece que a Figueirense participações quer o máximo de sigilo possível nas negociações, o que convenhamos, não ajuda em nada a localizar o torcedor.

Desde o inicio do mês nada é definido, as reuniões apenas decidem a próxima reunião, nenhuma contraproposta parece ter sido colocada à mesa.

No meio disso tudo fica os interesses do clube e, o mais importante, a torcida. Não tenho dúvidas que essa nuvem de incertezas irá prejudicar a montagem para o time do próximo ano, apesar dos dirigentes negarem, o clube está parado sim. Não contratou ninguém, nenhum nome é especulado, as renovações estão caminhando a passo de tartaruga, o comandante da equipe não foi definido...

Estamos torcendo para que esse imbróglio seja resolvido o mais rápido possível, para o bem do clube.

Para ficar mais por dentro da situação, acompanhe os blogs do Tainha e do poeta contemporâneo Ney Pacheco.

Um forte abraço Alvinegro!

terça-feira, 15 de dezembro de 2009

Derrota e desclassificação

Botafogo 2 x 0 Figueira. Perdemos e nos despedimos do Brasileirão sub-20. Um empate seria suficiente para passar à próxima fase, não deu. Uma pena, temos um time com jogadores como Roberto Firmino – que hoje não jogou – Alex Junio, Robertinho, Luan, Alexandre são grandes promessas. William Matheus parece estar se recuperando, é muito jovem e pode futuramente nos ajudar no time principal.

Ficam os parabéns para a garotada que fez um bom Brasileiro, com duas vitórias, um empate e uma derrota.

Um forte abraço Alvinegro!

Boa entrevista

segunda-feira, 14 de dezembro de 2009

Alvinegros, um fazendo bonito, outro nem tanto...


Gol Alvinegro

O gol chega com uma semana de atraso. O nosso ex-lateral esquerdo Michel Bastos marcou pelo Lyon na liga dos campeões. Michel já figurou nos convocados por Dunga, vale lembrar também que na França Michel atuou como meia, como o substituto do Juninho Pernambucano. O ex-Alvinegro marcou na partida contra o time Húngaro do Debreceni(?).

Vergonha

André Santos se envolveu numa roubada lá na Turquia. “Orgias” sexuais em um motel, com vários outros jogadores, o ato de indisciplina poderá resultar na dispensa dos jogadores envolvidos no escândalo. Côzamedonha!

domingo, 13 de dezembro de 2009

Show

O Figueira na base continua fazendo bonito. O momento dos marmanjos não é dos melhores, mas a base continua intrépida, mesmo com o rebaixamento, que afetou todo o clube, a base continua dominando o estado. E quem pensou que Rogério Micale era o grande responsável por todo esse sucesso da garotada, estava errado.

Hoje o Figueira sub-20 venceu o Santo Andréem Novo Hamburgo por 3 à 1. Os gols foram de Alex Junio, Roberto Firmino – joga muito o garoto – e Martín. Estamos na liderança do grupo com cinco pontos em três partidas, o segundo colocado é o badalado Internacional com cinco pontos.

Na última rodada pegaremos o Botafogo que está na terceira colocação com quatro pontos, se empatarmos estamos classificados, ou se o Inter perder para o Vitória também estaremos garantidos.

Vale lembrar que o Figueira está disputando a competição por causa da desistência do São Paulo, assim o Figueira foi convidado a participar da competição. Espero que o Figueira faça como a Noruega na Eurocopa de 1992, quando foi convidada a participar do torneio e ainda assim levou o caneco.

Um forte abraço Alvinegro!

ps: a foto é de uma das nossas melhores revelações, André Santos.

sexta-feira, 11 de dezembro de 2009

Paulo Prisco e bocas fechadas

Essa espera pelas definições entre a Figueirense Participações e o conselho deliberativo é para matar qualquer torcedor. O conselho tinha até ontem para dar uma resposta à participações, deu no dia dois, até agora nada mudou. Paulo Prisco estava na Europa relaxando enquanto nós torcedores ficávamos cada vez mais nervosos e o clube em standby, como gostam de falar os dirigentes Alvinegros.

Em boca fechada...

Rafael Coelho foi um jogador que defendi o ano inteiro aqui no blog, gosto do seu estilo, admiro o garoto Alvinegro. Torço para que tenha uma carreira muito vitoriosa fora do Figueirense. Porém a sua declaração a pouco tempo falando que é Vascaíno desde criançinha é para tirar o ânimo de qualquer torcedor. Jogador da base, vive o Figueirense, é de Florianópolis, se dizia Alvinegro e agora vem com essa? Aí não dá né Ô?

Podia ficar calado

Roberto Brum é outro que perdeu a chance de ficar com boca fechada. Aqui disse que tinha vontade de permanecer, que tinha pegado novamente o gosto de jogar futebol, por alguns motivos não ficou, agora chega a Santos dizendo que a sua vontade era retornar ao clube Santista. Então ta.

Um forte abraço calado Alvinegro!

quinta-feira, 10 de dezembro de 2009

Gols Alvinegros pelo mundo - Jovem promessa fazendo bonito

A série dos gols Alvinegros pelo mundo está de volta! Desta vez o único gol marcado foi por Pedro Botelho como é conhecido na Europa, ou Pedro, como é conhecido aqui. Pedro tem 20 anos, natural da Bahia, era uma grande promessa da base Alvinegra, começou jogando no meio campo, hoje atua na lateral esquerda, foi negociado com o Arsenal em 2007 por 1,2 milhão de Libras. O Tainha escreveu sobre o Pedro em 2007, leia aqui!

Na Europa foi emprestado ao Salamanca, clube da segundona Espanhola, na temporada passada se transferiu para o Celta de Vigo, outra equipe na segunda divisão, porém com mais expressão que o Salamanca.

Pedro chegou a atuar pouco no time profissional do Figueira, em 2007 durante a disputa do Catarinense, Mário Sérgio lhe deu uma chance.

Abaixo um vídeo encontrado no youtube com uma jogada fantástica do Pedro, quando ainda atuava pelo UD Salamanca. Fonte base: Blog do Roberto Silva


Orlando Scarpelli, 1960

Essa é uma foto do Orlando Scarpelli de 1960. Notem a ausência de arquibancadas e também como era o bairro Estreito, com muitas árvores e poucas construções. O retrato mostra o crescimento da cidade aliado ao crescimento do clube Figueirense.

A foto, encontrei “fuçando” a internet, quer saber como? Vai lá no google, clica em imagens, pesquise e se deleite com as imagens antigas, que, infelizmente são escassas

Um forte abraço Alvinegro!

quarta-feira, 9 de dezembro de 2009

Figueira bate o Vitória


Hoje o Figueira bateu o Vitória pelo campeonato Brasileiro sub-20, 2 à 1 foi o placar da partida realizada em Novo Hamburgo. Na arquibancada, empresários Europeus de olho nas promessas em campo.

Pude assistir o primeiro tempo, mas foi mais en passant mesmo, compromissos escolares acabavam me tirando a atenção da partida. Porém, destaco alguns jogadores, todos já conhecidos da torcida.

Pelo que vi da partida, gostei do Alex Junio, nunca o tinha visto atuar além da decisão do estadual de 2008. Jogador leve, rápido, habilidade rara e muita vontade, pena que é baixo e franzino, o clube terá que trabalhar o garoto fisicamente. Tem futuro.

Outro que se destacou foi William Matheus, (foto) fez boas jogadas pela lateral, jogador que no profissional foi bisonho, na base parece estar se recuperando. É muito jovem, tem futuro, vale a aposta.

Não vi o segundo tempo, justamente quando saíram os gols. Roberto Firmino e Luan foram os autores, vale lembrar que Luan é aquele lateral campeão da copa SP de 2008, nesta temporada estava se recuperando de uma grave lesão.

Para ler à crônica da partida clique aqui.

Um forte abraço Alvinegro!


Que golaço!

terça-feira, 8 de dezembro de 2009

Dos Ingleses para o mundo

Fazendo minha leitura obrigatória do inicio do dia, me deparo com um texto do Lédio Carmona no seu blog, o jogo Aberto. Dando conta da ida do Rafael Coelho para o Vasco (leia!). Não é novidade nenhuma.

Gosto muito de ver jornalistas de fora do estado analisando nossos jogadores, como eles o vêem. Abaixo o parágrafo escrito pelo Lédio comentando sobre o Manezinho dos Ingleses. Coelho chega com moral ao Rio.

“Hoje, a diretoria acertou mais uma. Para o lugar de Elton, de partida para o Shakhtar Donetski, o Vasco fechou com Rafael Coelho, co-artilheiro da Série B, ao lado do próprio Elton e de Marcelo Nicácio, com 17 gols. Tem apenas 21 anos e 1,74m. Joga pelos lados do campo, se coloca muito bem dentro da área, tem poder de finalização e sabe cabecear. É melhor do que Elton.”

segunda-feira, 7 de dezembro de 2009

Agnaldo Liz? Sou mais Ovelha!

O Fábio Machado postou em seu blog a informação que Agnaldo Liz poderá ser o novo treinador do Figueira no próximo ano. O blog dos Figueirenses dá a sua opinião sobre este treinador, leia!

Não é um nome que me cai no gosto. Treinador que estava recentemente na Catanduvense de São Paulo, seu único título como treinador foi o campeonato da Bahia em 2004 com o Vitória. Treinou nove equipes na carreira, a maior foi justamente o Vitória.

Precisamos de um treinador que já tenha demonstrado qualidade em outras equipes, um treinador competente para montar um time competitivo, para que não precisamos fazer outro time do meio do ano pra frente.

Ovelha é o cara

Mauro Ovelha é um nome que cai mais no meu agrado. Treinador que já fez diversos bons

trabalhos em equipes pequenas com orçamentos curtos. Também seria um treinador dentro do

padrão financeiro do Figueirense. Se não contratar agora ele

com o tempo continuará fazendo bons trabalhos e se transferindo para outra equipe de mais renome.

Um forte abraço!

domingo, 6 de dezembro de 2009

Brasileiro

Flamengo foi campeão, Coritiba caiu. Duas grandes surpresas do campeonato Brasileiro de 2009, o Flamengo mesmo com tantos problemas conseguiu o caneco, devendo milhões e milhões de reais. O Coxa no ano do seu centenário sofreu a queda, subiu a apenas dois anos.

Campeão

O Flamengo campeão tem várias peculiaridades. Seus principais jogadores passaram por momentos difíceis na temporada. Pet por exemplo só foi para o Fla por causa de uma dívida, não foi um jogador pretendido. Adriano foi para a gávea por conta de seus inúmeros problemas na Europa. Zé Roberto foi afastado do grupo principal duas vezes na temporada, foi perseguido pela torcida, Andrade foi muito criticado em insistir com o jogador. Ronaldo Angelim quase teve uma perna amputada no meio da temporada por conta de uma contusão.

Rebaixado

Já o Coritiba mesmo com um time acima das médias para os padrões do clube foi rebaixado. O ataque possui um quarteto de respeito; Marco Aurélio, Ariel, Carlinhos Paraíba e Marcelinho Paraíba.

E o Figueira com isso

Bom para o Figueira a queda do Coxa, no próximo ano nenhum grande clube passará pela segundona, ninguém terá vaga garantida. Ninguém terá uma folha salarial fora dos padrões da B.

sábado, 5 de dezembro de 2009

sexta-feira, 4 de dezembro de 2009

Sobre a torcida


Hoje li o blog do Jorge Júnior (bom blogueiro) lá ele comentava sobre a torcida do Fluminense, que ela levou o time a dar a volta por cima, e como bem disse, isso parte do time e vai para a arquibancada. O time é quem contagia a torcida.

Dito isso o blogueiro faz a comparação óbvia entre a torcida do Avaí, no ano de 2008, e a torcida do Figueira neste ano. Comenta também sobre o termo torcida geladeira, ele concorda com isso.

Sou obrigado a discordar em partes com o Jorge. Vou começar com a comparação da avaianada em 2008, e os alvinegros em 2009. Penso que essa comparação é complicada de ser feita por vários aspectos; um deles é o time, o Figueirense de 2009 nunca chegou a ter uma seqüência de vitórias empolgante, quando ameaçou ter isso no inicio da era Márcio Araújo a torcida compareceu e apoiou o time.

O Avaí em 2008 vinha de longos anos de seca, lutando em 2007 para não cair para a terceira divisão, acaba sendo óbvio que qualquer time melhor que os dos anos anteriores levaria a torcida ao estádio em busca de dias melhores. Já o Figueira vinha de um rebaixamento.

O outro ponto é a média de público. Mesmo com um time que não era bom a torcida Alvinegra manteve uma boa média de público, média essa quase a mesma que a do time do sul da ilha no ano passado.

Além do mais, a torcida nos bons momentos do time não foi nada geladeira, a partida contra o Bahia – na nossa melhor fase na série B- nossa torcida não foi nada geladeira, apoiou, cantou, um show.

A torcida está de parabéns, porém pelo apresentado dentro de campo a torcida não deixou nada a desejar.

Abaixo um vídeo da calorosa recepção da torcida na partida contra o Duque de Caxias.





Um forte abraço Alvinegro!

Para entender um pouco mais

quinta-feira, 3 de dezembro de 2009

Evolução da blogosfera

Ontem o blog Nosso Figueira, do meu amigo Rafael mudou completamente o seu visual, muito mais bonito. Entre lá, aprecie as mudanças e acompanhe, o Rafa entende muito de bola. Além do blog do Rafa, a cobertura realizada pelo Tainha e pelo Ney ontem no conselho deliberativo me alertou para um ponto em especial. A evolução da blogosfera Alvinegra.

Os blogs não param de evoluir, essa evolução é rápida. O blog Canto do Figueira, por exemplo, foi criado há pouco tempo, agora já conta com um dos melhores visuais da blogosfera Alvinegra. O próprio blog do Ney é outro que evoluiu, migrou para o Meu Figueira – segundo o Ney foi uma transferência envolvendo milhões de dólares.

Tudo começou com o blog do torcedor no Globo esporte, comandado pelo Ziggy, trocaram de comando com a entrada do Tainha, surgiu o Meu Figueira, Gigante Alvinegro etc. O Ney que hoje é referência, começou sem grandes pretensões, sem muito alarde, sem propaganda, hoje é convidado para programas de rádio, realizou entrevista com dirigentes, participa do dia-dia do clube. Muito legal.

O espaço que essas coisas eletrônicas conquistaram é fantástico, entrevistas, conteúdos de primeira. Hoje dá para se informar apenas com os blogs, as informações muitas vezes saem primeiro nos blogs e depois na imprensa tradicional. Um exemplo disso é a atual indefinição de gestão do Figueira, o tainha e o Ney estão dando um banho de informação,

os veículos de comunicação tradicionais estão sendo superados.

O próprio blog que você está lendo agora já sofreu uma série de mudanças, o Máquina Alvinegra começou com um visual que já foi trocado três vezes. O número de seguidores aumentou as visitas também.

Já se foi o tempo que tínhamos que esperar até o outro dia para ouvir notícias, opiniões nas rádios, ou até mesmo ter que esperar o globo esporte do outro dia para ver resultados, etc.

É a evolução da espécie.

Um forte abraço blogueiro Alvinegro!

Tédio

Vou confessar aqui no blog que esse período de entre safra é muito chato. Poucas notícias de futebol, falta de jogos, daquelas campanhas, daquele friozinho na barriga antes de cada partida importante.

Essas “férias” estão diferentes das outras, temos decisões importantes sendo tomadas no lado político do clube, decisões que podem – e irão – mudar os rumos do clube. Porém até mesmo essas movimentações são chatas, não que eu não goste e acompanhe, mas que uma partidinha de futebol é muito melhor, ah isso é.

Vou continuar aqui escrevendo o blog, acompanhando o desenrolar do lado político e torcendo para chegar rápido o ano que vem, e ver novamente futebol.

Um forte abraço!

Decisões

Nesta quarta tivemos três finais, duas dentro das quatro linhas e a mais importante, a decisão do conselho deliberativo do Figueirense ontem.

Vamos por partes, como diria Jason.

Reunião do conselho

Ontem à noite, o conselho deliberativo do Figueira foi unânime em não aceitar os termos propostos pela Figueirense participações. Os termos eram ridículos, visto pela ótica do clube. O conselho não aprovou e vai apresentar uma contra proposta, esta que ainda não tem uma data limite para a sua apresentação. O Tainha e o Ney estiveram na reunião, se quiseres ficar informado a respeito, leia o blog dos caros amigos.

Pertinho, pertinho...

Ontem à noite também tivemos a primeira decisão de quem fica com o título da Copa SC, o Joinville foi até Blumenau e venceu o Metropolitano por 2 a 0, agora joga por uma derrota de até 2 a 0 em seus dominios que ainda assim fica com o título. O Joinville é um clube que sempre investe pesado para os seus padrões, vai ser muito bom ver mais um time com calendário disputando o estadual.

Não Deu, Flu

Tivemos ontem a decisão da copa Sul Americana, o Flu venceu por três a zero a equipe da LDU, no Maraca. Sensacional a recuperação do Flu no Brasileiro, a química entre a torcida e o time é dos melhores. Não cai, ano que vem vamos ter a companhia do Botafogo na segundona do certame nacional.

Um forte abraço!

quarta-feira, 2 de dezembro de 2009

Márcio fora - decisão acertada


Recebemos ontem a informação que o treinador Márcio Araújo deixou o Figueira. Ele terminou o ano com um aproveitamento levemente superior ao do seu antecessor Roberto Fernandes.

Creio que a decisão pela saída do Márcio foi acertado, ele foi contratado para levar o time à série A, não conseguiu isso em praticamente um turno, tempo suficiente.

Márcio é um conhecedor do futebol, humilde, boa praça, chegou e encantou com o seu estilo, ajeitou o time, deu um padrão tático – que não víamos há muito – e integrou o grupo. Com o tempo isso foi mudando, se perdeu no comando, desperdiçou um jogador fora de série para os padrões, como Jeovânio, teve ainda os casos do zagueiro Edson e dos descompromissados Paulo Sérgio e Maicon.

O treinador caipira deu a entender que tinha os “seus” dentro do grupo, só isso explica as seguidas escalações do meia Maicon. Schwecnk foi outro que sofreu na mão de Araújo, vinha de uma seqüência fantástica de gols, e de repente voltou ao banco de reservas sem explicação.

Em suma: Márcio veio para levar o time à primeira, não conseguiu, se perdeu no comando. Meteu os pés pelas mãos. Pode pegar o boné e voltar a dar o “pulo do gato” no interior Paulista.

Um forte Abraço!

terça-feira, 1 de dezembro de 2009

Fernandinho marca no Japão

Ontem esqueci de botar na lista dos gols Alvinegros pelo mundo o nome do meia Fernandinho, aquele que neste ano foi para o Vasco onde sofreu com seguidas lesões.

Fernandinho é muito lembrado pela sua grande capacidade técnica, não há um no Scarpelli que lembra do baixinho driblador, jogou no Figueira em 2003 onde ganhou destaque, saiu e foi para o São Caetano onde foi pouco aproveitado, acabou sendo negociado com o futebol Japonês, hoje sofre com constates lesões e trocas de clubes.

Hoje ele joga no Oita Trinita, clube do Japão, fez um gol neste final de semana na vitória de 2 a 0 sobre o JEF United. Abaixo o vídeo do jogo (notem no vídeo as bandeiras atrás do gol, muito legal), com os dois gols, vale lembrar que o clube do Fernandinho já está rebaixado para a segundona do Japão. O gol é a cara dele, deixou um defensor no chão e deu um belo corte dentro da área.

Confira:

segunda-feira, 30 de novembro de 2009

Base para 2010


Apesar do conturbado momento político do Figueira, com as indecisões, o time dentro de campo para o próximo ano já começa a ter uma base.

Hoje o contrato de cinco jogadores expirou (veja aqui), porém o clube só começará a definir contratos no dia dez. Então, nada de ficar apavorado com o término do contrato do Jeovânio.

Wilson possui contrato longo e pretende ficar, Fernandes quer ficar, seu contrato encerra ao fim do ano. Schwenck é outro que já demonstrou interesse em ajudar o Figueira em 2010, assim como Jeovânio e Roberto Brum, além da renovação do volante Diego Paulista.

Na zaga não precisamos nos preocupar, Roger Carvalho renovou contrato, João Felipe tem contrato longo assim como Edson.

Com essa base e a escolha de um bom treinador já temos um bom esboço de time, base que em 2009, só conseguimos no final do ano.

Wilson no gol, na zaga Roger, Edson e João, nas laterais Lucas e Massari – que deve ser mais utilizado em 2010 – Jeovânio, Brum e no meio Fernandes, no ataque Schwenck. Isso sem contar com jogadores da base como Talhetti, Roberto Firmino e Marquinhos Júnior que deverão receber suas chances com mais freqüência.

Estou confiante em um bom time, o medo é que isso passa pelo lado político que não anda nas suas melhores fases.

Um forte e esperançoso abraço Alvinegro!

Gols Alvinegros pelo mundo


Após uma rodada sem gols Alvinegros pelo exterior, a série está de volta. Neste final de semana dois jogadores deixaram sua marca. Cléo e Juninho, ambos na Europa.

Juninho, aquele que passou por aqui neste ano e fez esse golaço (clique aqui e veja um belo gol com a camisa Alvinegra) deixou sua marca lá fora, ele após má passagem pelo Figueira voltou para a Eslovênia, marcou pelo seu time, o NK Domzale, não consegui encontrar o gol dele no youtube, digamos que o Domzale não é lá muito popular, os vídeos mais recentes são de três meses atrás!

O outro jogador que deixou sua marca foi Cléo (foto), jogou muito pouco no Figueira, veio do Atlético Paranaense, em 2005, hoje está no Partizan, de Belgrado, na Sérvia. Fez gol no clássico que o seu time venceu por 2 à 1 sobre o rival Estrela Vermelha. Foi um golaço. Podes ver o gol abaixo, o vídeo é curtinho, mostra os três gols da partida, o de Cléo foi o último, bateu colocado no canto. Cléo, aliás, é nome freqüente aqui na série.

Um forte abraço Alvinegro!

Imagem forte

sexta-feira, 27 de novembro de 2009

Entrevista com Aldrovani - "GENIAL"




Aldrovani Menon, o famoso Aldrovani, formador ao lado de Genilson a dupla de ataque “genial”, no fim dos anos noventa. Ídolo por vários clubes por onde passou, se destacou no Figueira, onde se tornou o maior artilheiro da história do Figueirense em um único ano. Foi artilheiro da série C de 99 com treze gols, ano que acabamos na segunda colocação.

Jogador de 37 anos, 1, 76m e muitos gols, mais de quinhentos na carreira (veja lá embaixo o gol quinhentos). Aldrovani ficou marcado pela sua saída em 2001, foi para o Sport, a torcida não o perdoou.

O artilheiro jogou neste ano no Gurupi, time de Tocantins, saiu e hoje está no Atlético Rio Verdense, clube da terceirona de Goiás. Aldrovani lá é titular, marcou apenas um no campeonato, seu time está na primeira colocação.

Aldrovani já marcou contra o Figueira no ano passado, (veja aqui). Destaco também um texto escrito pelo colunista Maceió, do jornal AN de Joinville, clique aqui e confira, dá pra se ter uma noção do que representou este jogador por aqui.

Abraixo uma entrevista especial que o artilheiro concedeu para o blog.



A entrevista

Aldrovani: conte-nos um pouco sobre a sua carreira futebolística. Onde começou sua vida de boleiro?

Comecei em 1989, com 16 anos, quando fui fazer teste no Matsubara - Pr, onde passei quatro anos, depois passei por muitos clubes dentro e fora do Brasil . Aproximadamente 28 clubes , em 20 anos de carreira , desde que saí de casa . Sou muito feliz por todo esse tempo no futebol, e por ter realizado meu sonho de jogar futebol.





Faça um breve histórico sobre sua passagem pelo Figueirense.


No Figueirense, cheguei em 1999 ainda bem desconhecido , agradeço a diretoria por ter me dado a chance e ter acreditado em mim . Aos poucos fui conseguindo meu espaço , demonstrando interesse pelo clube , sendo profissional , fazendo meus gols , conseguindo as vitórias com o grupo , sendo amigo de todos ,conquistando a torcida e com isso fui marcando minha passagem pelo Figueirense . Fui para o Bahia em 2000, em julho de 2000 voltei para o Figueirense, fiquei até junho de 2001, foi uma passagem maravilhosa com titulo de campeão e muitos gols pelo clube, com certeza marquei meu nome na história do Figueira .


Como que foi a experiência de jogar ao lado de Genilson no estadual de 99? Aquele ataque era fantástico...

Começamos bem desacreditados, né? Mas aos poucos fomos criando um conjunto, um dependia do outro pra jogar, aí apareceu o nome da dupla, "GENIAL" criada pelo nosso amigo Sérgio Murilo, a partir daí começamos a fazer muitos gols , o entrosamento era ótimo , dentro e fora de campo , éramos muito amigos , ainda continuamos sendo , e principalmente nesse ano conseguimos o título do Estadual , e melhor ainda , em cima do Avaí .


Quais foram os desafios encontrados no Figueirense ainda sem uma grande estrutura, como você encontrou o clube quando desembarcou em Florianópolis?

Os desafios são grandes como em qualquer outro clube , não é de uma hora pra outra que as coisas acontecem . Mas no Figueirense as coisas começaram a acontecer rápido, começaram a se estruturar, se organizar, a montar times bons , e com isso as conquistas chegaram , titulo de 99 entre outros mais, disputas da Copa do Brasil, o clube ficando conhecido a nível nacional, até que em 2001 chegou a conquista de uma vaga pra série A do brasileiro .


Hoje um dos desafios encontrados é fazer a torcida transformar o Scarpelli novamente em um caldeirão, conte sobre o que você lembra da torcida Alvinegra. Na sua época era difícil vencer o Figueira no Scarpelli.

Quanto a torcida do Figueira , não posso reclamar de nada , sempre fui apoiado por eles , claro que a torcida queria e quer ver sempre o time vencer , mas lembro bem , de que era muito difícil mesmo alguém ir dentro do Scarpelli e vencer o Furacão , a torcida vibrava muito , isso é muito bom para os jogadores , o incentivo que vem das arquibancadas , e a torcida só cobra de quem eles sabem que tem condições de jogar bem , veste sempre a camisa do Figueirense com muita Honra .
>
Qual foi a melhor fase da sua carreira? Foi no Figueira?

Com certeza na época que passei pelo Figueirense , foi uma passagem maravilhosa , jamais esquecerei , 2 anos de Figueira , a cidade de Florianópolis , as amizades , tudo era maravilhoso , me sentia muito feliz . Em 2000 nasceu meu segundo filho , Daniel , o primeiro é Bruno , aí a felicidade aumenta e você quer cada vez mais jogar bem e marcar cada vez mais gols , você fica muito feliz estando em um lugar bom , que você e sua família estão felizes . Fui Campeão Catarinense em 99 , artilheiro da série C em 99 , com 13 gols , me tornei o maior artilheiro em uma temporada com 33 gols , se não estiver enganado foram 103 jogos e 63 gols com a camisa do Figueira . Foi uma passagem muito marcante na história do Figueirense , esse clube pelo qual tenho muito carinho .


99 foi um ano especial para toda a torcida Alvinegra e também para você, que se tornou o maior artilheiro do Figueirense em uma única temporada. Você foi o artilheiro da série C desse ano. Comente um pouco sobre essa grande fase sua e do Figueirense.

Foi inesquecível mesmo, foi um ano ótimo, como falei fomos Campeões Catarinense, (em cima do Avaí) , depois de algum tempo sem titulo, né ? Fui artilheiro da série C, fui o maior artilheiro numa temporada, acho que entre as vitórias , as conquistas e os gols , foi um ano de muitas alegrias pra toda a torcida do Figueirense e pra mim também, é claro . Um ano que jamais será esquecido.


Você se arrepende de ter saído do Figueirense em 2001, para jogar a série A do brasileiro pelo Sport? Na ocasião o Figueira subiu, o Sport caiu e você sofreu uma grave lesão...

Não me arrependo não , as coisas não avisam a gente , elas acontecem e pronto , se a gente soubesse seria bem melhor, né ? São coisas do futebol , qualquer um trocaria um time da série B por um da série A , era bem mais divulgado , o salário era maior também , já que no Figueirense eles queriam me manter , mas ganhando o mesmo salário. Já fazia 1 ano que eu ganhava a mesma coisa , no Sport seria bem maior , coisas do futebol , né ? Mas infelizmente veio a fratura, que eu nem imaginava que iria acontecer , mas aconteceu , aí o campeonato já era . Mas graças a Deus dei a volta por cima, e logo estava jogando de novo , joguei em muitos outros clubes também . Fiquei muito feliz quando o Figueirense subiu pra série A.


Hoje você joga em Goiás, no time do Atlético Rio Verdense, conte um pouco sobre essa experiência e desafios encontrados quando se joga num clube pequeno, com pouca estrutura?

Como falei anteriormente, as dificuldades existem em todos os lugares , mas se tiver pessoas competentes e que organizem as coisas , com certeza os resultados vem , mesmo que a estrutura seja mínima . É claro que você tem que ter paciência para que as coisas entrem no eixo, você tem que ajudar muito , mas com as vitórias vemos que vale a pena os sacrifícios . Tudo tem um começo, se não arriscar nunca saberá se valeu a pena.


Você ainda acompanha o Figueirense? Mesmo jogando longe?

Acompanho sim , apesar de não estar jogando aí , me identifiquei muito com o clube, tenho pessoas amigas que ainda estão lá , entre muitos , quem ainda está há um bom tempo é o meu grande amigo Fernandes , sempre nos falamos , ele me conta com estão as coisas por lá , sempre mando lembranças para meus amigos . Esse ano mesmo, torci muito para que o Figueira conseguisse voltar a 1° divisão do brasileiro , infelizmente não deu , mas vamos torcer para que ano que vem isso seja possível.






Um forte Abraço Alvinegro!

quinta-feira, 26 de novembro de 2009

Menos um



O mirassol 2010 promete, já havia contratado o treinador(?) Pintado para o próximo Paulistão, depois trouxe o zagueiro Bruno Peroni, e para fechar o caixão levou o lateral Anderson Luís (sim, pode comemorar, no estadual ele não vai atrapalhar).

Vi a notícia no site Futebol Interior, vou retirar um trecho da matéria do site. “A diretoria do Mirassol anunciou a contratação de mais um craque para a disputa do Campeonato Paulista. A nova aquisição é o lateral-direito Anderson Luís”.

Sim, aquele craque ficou muito estranho, estão tentando criar uma falsa expectativa no torcedor do glorioso clube do interior de São Paulo . Isso que é imprenssa que apóia o clube, fosse aqui estariam falando a verdade sobre o jogador.

Escrevi no blog que o ano de 2010 teria que começar sem “laranjas podres”, sem jogadores que já provaram que não possuem qualidade para jogar no Figueira. Dois já foram, faltam agora os jogadores descompromissados, além do Alê, Schmöller...


Um forte abraço Alvinegro!

Fica Jeovânio!



Hoje pude ver a entrevista do Jeovânio, no blog do Ney, sensacional. Como fazem falta jogadores da personalidade desse volante, teve a coragem de ir a público e numerar os problemas vividos dentro do clube. Esclareceu os problemas vividos nesta reta final.

Jogador que veio sobe grande expectativa e foi muito mal utilizado, desperdício completo.

Dou destaque ao momento da entrevista que o volante mostrou-se surpreso após sua chegada ao clube, muitos jogadores descompromissados. Agora passamos a entender as seis derrotas em casa.

Outra coisa legal de se constatar na entrevista foi de ver que o Jeovânio tem muita consideração pelo clube, além de ser um Alvinegro.

Fica Jeovânio!

Um forte abraço!
OBS: Na foto, Jeovânio na sua primeira apresentação, em 2001 ao lado do também volante Luiz Simplício.

quarta-feira, 25 de novembro de 2009

Início de temporada diferente

O ano do Figueirense começou errado quando o time que estreou em 2009 foi composto em sua maioria por jogadores do ano de 2008. Me lembro que na época muitos torcedores reclamavam fato de que a nossa defesa era a mesma do ano passado, os jogadores eram os mesmos.

A defesa do inicio do ano era composta por quatro jogadores: Anderson Luis, Bruno Peroni, Bruno Aguiar e William Matheus. Todos esses jogadores eram remanescentes de 2008, e desses o menos criticado era Bruno Aguiar, os outros todos, sem exceção, eram “perseguidos” pela torcida.

Desses jogadores nenhum foi bem utilizado durante toda a temporada, Peroni foi reserva boa parte do ano, quando entrou foi mal. Aguiar foi dispensado logo no inicio do ano, Anderson Luis foi emprestado para times do interior de São Paulo, William Matheus foi esquecido dentro do elenco.

2010
O ano de 2010 tem que começar sem “laranjas podres”, sem jogadores que não estejam interessados no bem do clube – Maicon, Paulo Sérgio, Egídio ...- e sem jogadores que já provaram que não possuem qualidade, como Alê, Marcelo, etc.

O ano tem que começar a mil, nada de estadual como laboratório, neste ano o estadual não serviu para basicamente nada. Os jogadores que ficarem precisam mostrar que querem crescer dentro do Figueirense, contribuir. Os contratados precisam mostrar a mesma vontade.

Enfim, vai ser um ano difícil, os dirigentes Alvinegros vão ter que usar mais do que nunca sua destreza com a montagem de um bom e equilibrado time.

Um forte Abraço Alvinegro!

terça-feira, 24 de novembro de 2009

A seleção


O momento é de revisar o ano, relembrar as falhas e os acertos, uma retrospectiva, uma revisão geral. Vários blogs fizeram suas análises sobre o nosso ano, Ney, Gigante Alvinegro e Tainha fizeram boas análises, até eu dei meu pitaco.

Vou abrir um parêntese, fugir um pouco do papo sério, das analises. Vou fazer uma seleção de 2009. A seleção dos piores jogadores que passaram pelo Figueira em 2009. Catarinenses, e segundona, ou seja, todo o ano mesmo. Para ler abaixo este texto esteja com o espírito desarmado, tens que encarar como uma brincadeira.

Vamos à seleção, o meu time jogará num 4-4-2, iremos listar os piores, porém é possível que eu esqueça alguns jogadores que nos marcaram negativamente, daqueles que vamos pra casa pensando como aquele jogador errou aquele passe, como chutou aquela bola para fora.

A seleção será; Dalton, Anderson Luís, Marcos, Bruno Peroni e William Matheus. Michel Schmöller, Rômulo, Rafael Ueta e Juninho. No ataque teremos Douglas e Ricardinho.

Dalton acabou no gol pelas suas falhas em algumas partidas que substitui o Wilson, até porque não poderíamos botar o Wilson nessa seleção.

Na zaga teremos Bruno Peroni e Marcos, este último pra quem não lembra é aquele zagueiro da base que não jogou nem cinco partidas no Figueira e logo foi dispensado, ele é natural de Santo Amaro da Imperatriz. Sobre o Peroni não é necessário comentar.

Nas laterais, teremos dois jogadores provenientes da base (perseguição), William Matheus jogou algumas partidas no Estadual, foi muito mal, acabou sendo esquecido dentro do elenco Alvinegro. Anderson Luis foi outro que não jogou nada no Estadual, contudo poderia ser substituído pelo grosso lateral Davidson, que jogou pouco tempo por aqui.

De volantes Michel e Rômulo, o segundo chegou após longo tempo de inatividade, não jogou nada.

Na meia dois que chegaram sobre vista grossa da torcida, Ueta e Juninho, os dois não jogaram nada no estadual, Ueta não entrou em forma, gostava de chutar a gol de onde estivesse, lástima.

No ataque Douglas e Ricardinho, Douglas ainda não conseguiu dominar uma bola, Ricardinho está emprestado e ainda não aprendeu a passar uma bola.

A seleção será comandada pelo treinador (?) Roberto Fernandes, o fanfarrão nordestino não sabe nada de bola.

E aí torcedor, achas que esse time conseguiria vencer alguma partida?

Um forte abraço Alvinegro!

segunda-feira, 23 de novembro de 2009

Balanço geral - primeira parte


Quem lê o blog sabe que não sou adepto a posts longos, não tenho esse costume. Após partidas faço várias postagens para comentar sobre o jogo. Vou comentar o ano do Figueira em vários dias, hoje pretendo comentar sobre a atuação da diretoria no fatídico ano de 2009.

O ano começou errado, a diretoria apostou num treinador que não tinha condições de levar o time para a série A, Pintado apesar das três vitórias de 2008 é apenas um motivador.

Com a permanência de Pintado perdemos o estadual, o time não encaixou em nenhum momento, e o campeonato que era para ser um laboratório foi inútil ao longo do ano.

O problema da diretoria também foi apostar em jogadores ruins que nunca renderam nada na carreira, um exemplo claro foi o lateral Wellington. Outro erro em questões de jogador da diretoria foi a liberdade dada aos treinadores para trazerem jogadores, Roberto Fernandes trouxe Luciano Totó, outro que nunca mostrou nada. E no caso de Márcio Araújo o erro da diretoria foi em ser conivente com os problemas dentro do grupo, como afastamento do Edson e do Jeovânio.

O clima nesta reta final não ajudou, Baré teve uma ríspida discussão antes da partida contra o Duque de Caxias, isso não contribui em nada no espírito de decisão que estava sendo criado. Um dirigente com mais vivencia veria isso.

Creio que o principal erro do comando Alvinegro foi a de passar o comando do futebol para dirigentes muito jovens. Em 2008, com Rodrigo Prisco isso também não deu certo, Thiago D’Ivanenko é jovem demais, precisa de alguém com mais experiência para lhe passar bagagem. Como um dirigente de 26 anos vai dar uma dura em um jogador com mais de 32?

A diretoria também erra quando não apresentou grandes promoções de ingressos, em momentos de dificuldade, ou de extrema importância ingressos de menos de 10 reais não caem mal.

Em alguns casos o comando foi bem, apostou em jogadores que poderiam dar retorno, como Pico e Pedrinho, o erro foi o de confiar demais na qualidade desses jogadores, não trazendo em tempo jogadores para entrarem em seus lugares, com qualidade.

Novamente a diretoria não fez um bom ano, a construção do time a prestação foi um erro (essa é do Ney), tivemos diversos times na temporada, o time do inicio da segundona é bem diferente do atual, que são diferentes do time do Estadual. Não tivemos uma base durante todo o ano. A montagem desorganizada do elenco foi um grave erro, durante todo o ano tivemos mais de 15 volantes, ao longo da série B só contávamos com Lucas e Egídio, quando um dos dois não jogava a dor de cabeça era grande. ,

Um forte abraço Alvinegro!





domingo, 22 de novembro de 2009

Torcida campeã

Ontem postei um vídeo da torcida no blog, a entrada do time em campo e a bela festa feita nas arquibancadas. Festa que há muito não se via, papel picado e phs abrilhantaram o estádio. O público foi de mais de 15 mil Alvinegros, as faixas “voltaremos” também deram um brilho especial à festa.

A torcida ontem esteve de parabéns, botamos o maior público do ano, a festa foi linda, e não foi só ontem que a torcida se destacou. Durante toda a série B mantivemos uma média de público de time classificado para a série A, tudo isso contando com um futebol que em nenhum momento deu segurança ao torcedor. Torcida campeã.

Um forte abraço Alvinegro!

Foto de Carlos Amorim

sexta-feira, 20 de novembro de 2009

Todos lá

A partida deste sábado vai ser daquelas que queremos poder recordar por muito tempo, daquela que contaremos para filhos, netos, assim como a final de 99 e a decisão de 2001. Uma partida em que o esforço vale a pena, aquela em que adiamos encontro de família, trabalho, tudo para poder estar neste jogão que definirá o futuro do Figueira.

Torcedores Alvinegros que residem em outros estados largarão seus afazeres, tudo para poder entrar nesse momento histórico do clube.

A frase é velha, mas amanhã vale mais do que nunca: Todos os caminhos levam para o Scarpelli.

Um forte abraço!

Boa notícia

No meio de tanta tensão, recebemos uma boa noticia, talvez não para esse ano, mas sim para o próximo. O atacante Clodoaldo voltou a treinar com bola, ele ficou de fora da equipe por quatro meses, fraturou a tíbia naquela partida contra o Brasiliense, aquela que fizemos um primeiro tempo magistral.

Clodoaldo não é um primor de jogador, mas é eficiente, gosto do seu estilo. Ele fez algumas boas partidas com a camisa do Figueira, contra o próprio Brasiliense vinha jogando bem. Uma pena que o jogador chamou mais atenção por sua declaração na imprensa após a partida contra o Juventude, na ocasião ele perdeu um pênalti de forma ridícula.

Um forte abraço Alvinegro!

Fonte base: Clicrbs